quarta-feira, 10 de julho de 2013

Nós apoiamos!



Abaixo assinado em apoio à candidatura Paulo Teixeira presidente nacional do PT.
Eu apoio a candidatura de Paulo Teixeira a presidente do PT, por que ele representa:
- um programa e um movimento em defesa do socialismo petista, da revolução democrática e de reformas estruturais no Brasil.
- uma garantia de unidade com pluralismo no PT.
- um partido com democracia interna, socialista, militante e comprometido com as lutas dos movimentos sociais e populares.
- mais capacidade de direção política e social para nossa vitória em 2014.
- o compromisso de colocar em prática o novo estatuto: a paridade de gênero, participação da juventude e diversidade étnico-racial.
Por isso, assino embaixo: Paulo Teixeira, presidente nacional do PT!

quinta-feira, 27 de junho de 2013

Plenária Estadual da ED


Companheiros e companheiras!

        A atual conjuntura, Nacional e Estadual, exige reflexão.
          Queremos ouvir e debater com as companheiras e companheiros do partido, os rumos da política, as manifestações que tomaram as ruas do país e sua consequências. Todas as colaborações são importantes.
        Reforma Política, transporte público, mobilidade urbana, plebiscito, são algumas das pautas. 
        Ajude na mobilização e divulgação desta atividade.
        Contamos com a sua presença!
 
 

PED 2013: Lançamento da candidatura de Paulo Teixeira




     Abaixo as informações do nosso próximo Encontro Nacional da Mensagem ao Partido, que acontecerá no Auditório Nereu Ramos, na Câmara dos Deputados, em Brasília, nos dias 4 e 5 de julho de 2013 (quinta e sexta-feira). Dia 4 nosso Encontro será oficialmente aberto às 18h com o Ato de lançamento da candidatura do nosso companheiro Paulo Teixeira à Presidência Nacional do PT, e continuará, durante todo o dia seguinte, com debates políticos e organizativos e fechamento da nossa tese e da nossa chapa para o PED. 

              Além do convite do ato, seguem os links para inscrição ao Encontro. É importante que tod@s se inscrevam para que possamos adequar nossa estrutura ao tamanho real da atividade e manter um registro para as articulações futuras. Você pode fazer sua inscrição clicando no link que segue: https://docs.google.com/forms/d/1hqVrvoRf1aLlNk2fBBGJqgJmUjW8MnRbQBGrqTpk2A4/viewform?pli=1

               Também é fundamental que tod@s @s noss@s dirigentes e militantes assinem o manifesto de apoio à candidatura do Paulo, para que possamos inscrevê-lo oficialmente como candidato. Essa assinatura poderá ser colhida em formulários impressos ou via adesão on line pelo seguintelinkhttp://www.peticaopublica.com.br/?pi=P2013N41491
Lembrando que o prazo para a coleta das assinaturas ao manifesto encerra  no dia do Ato: 4 de julho. 

    Contamos com a mobilização e participação de tod@s! 

    Atenciosamente,
Coordenação Estadual Esquerda Democrática/ RS

quinta-feira, 13 de junho de 2013

Lançamento da candidatura Paulo Teixeira à presidência nacional do Pt

   
Companheiros e companheiras!
             No próximo dia 24  de junho, o grupo Mensagem ao Partido, do qual a Esquerda Democrática faz parte, realizará um grande ato político para apresentar o deputado federal Paulo Teixeira (SP) como nosso candidato à presidência nacional do Partido dos Trabalhadores. A atividade será no Plenário da Câmara Municipal de Porto Alegre, a partir das 19h, e contará com participação de lideranças e militantes das correntes internas do PT que integram o grupo.
            A presença de todos e todas é muito importante, pois é neste momento que estamos discutindo nossa forma de participação do PED 2013, momento em que o partido promoverá, via voto direto dos filiados, a renovação das direções partidárias nos âmbitos nacional, estadual e municipal.
           Aqui no Estado, a Esquerda Democrática está apresentando o nome da deputada estadual Stela Farias para a presidência do partido, motivada pelo nosso projeto de eleger a primeira mulher presidenta do PT/RS e convencida de que este processo é prioritário para a garantia de determinados valores considerados programáticos para o campo político onde nos encontramos hoje. 
           Por isso, no dia 24, todos e todas na Câmara dos Vereadores de Porto Alegre para um grande ato!
           Sua presença é muito importante. Participe, divulgue! 
 

O Governo Tarso e as políticas para Juventude

*David Almansa       

          Hoje o Governo do estado comprovou, mais uma vez, que a política de diálogo com todos os segmentos da sociedade gaúcha é prioridade na agenda política do Governo.
        As organizações de juventude do Rio Grande do Sul, tando dos movimento sociais quanto partidárias almoçaram com o Governador Tarso Genro (PT) e todo o centro do Governo, na pauta a operacionalização do Conselho estadual de Juventude do RS, recentemente aprovado na Assembleia Legislativa, a Bolsa Juventude Urbana e Rural e o aprofundamento de políticas públicas para a juventude(PPJ's).
        Eu tive a oportunidade de participar desta Reunião-Almoço na qualidade de Coordenador de Relações Institucionais da JPT/RS e pude presenciar o ato de comprometimento do Governo tarso genro com a pauta de juventude, que até então, nas palavras do Governador, era um tema secundário para o Governo. Tarso afirmou que a colocação desta pauta nas prioridades do Governo é uma conquista das juventudes organizadas que pressionaram o governo em prol deste tema.
        O Secretário Fabiano Pereira, da Secretaria de Justiça e Direitos Humanos, apresentou uma série de ações no que tange a assistência estudantil e as PPJ's, dentre elas a reforma da casa de estudantes da UERGS.
        Foi apresentado por vários interlocutores da juventude pautas para enraizarem estas políticas, para que elas não se limitem ao governo, mas que sejam efetivadas pelo Estado e assim marcando uma geração. Dentro da Proposta de Bolsa Juventude, propõe-se que o hoje beneficiário da bolsa haja como um monitor na sua escola, fazendo a interlocução entre a comunidade escolar e a própria instituição, empoderando este jovem em um processo de democratização do diálogo da educação.
        Vamos juntos construir e avançar com este Governo democrático e popular que agora está na mesma rota das pautas da juventude gaúcha!

*Coordenador de Relações Institucionais da Juventude do PT do RS
Secretário da JPT Cachoeirinha
Graduando em Ciências Sociais

terça-feira, 21 de maio de 2013

Plenária estadual da ED lota em apoio à Stela presidenta PT Estadual




         
          Mesmo debaixo de uma manhã chuvosa de domingo (19/5), cerca de 400 militantes e simpatizantes da corrente  Esquerda Democrática lotaram o auditório da Igreja Pompéia, em Porto Alegre, para apoiar o nome da deputada estadual Stela Farias, à presidência do PT/RS.
          A Plenária Estadual da ED reuniu prefeitos(as) e vereadores(as) de várias cidades, lideranças sindicais, comunitárias, de juventude, além do secretário do Conselho de Desenvolvimento Econômica e Social (CDES), Marcelo Danéris; do secretário da Administração e dos Recursos Humanos, Alessandro Barcellos; da secretária-adjunta da Mulheres, Ana Félix e do Deputado Federal Henrique Fontana.
 




             Um a um os pronunciamentos destacaram a história e a trajetória de Stela no PT, desde seu mandato como vereadora em Alvorada, as duas gestões como prefeita, que marcaram profundamente àquela cidade, até sua luta contra a corrupção à frente de duas CPIs na Assembléia Legislativa, durante o governo Yeda e posteriormente sua passagem como  titular da Secretaria de Administração e Recursos Humanos, no Governo Tarso.
         



                “ A Stela está pronta para ser, não só a candidata da Esquerda Democrática à presidência do partido, nós queremos o apoio de todos os grupos e tendências do PT” destacou o deputado Henrique Fontana.



                Os trabalhos chegaram a ser interrompidos por uma manifestação das Mulheres, que tomaram o centro da Plenária, com as tradicionais bandeiras lilases, ovacionando o nome da deputada para ser a primeira mulher a ser eleita presidenta do partido.






              “Depois de muita reflexão, me sinto segura para dizer que quero disputar com os companheiros a possibilidade de presidir o partido. Quero chacoalhar o PT e resgatar antigas bandeiras que continuam atuais, sobretudo atualizar o partido com relação ao que vem acontecendo nas ruas.
               Precisamos restabelecer o diálogo com nossa base. Hoje estamos entre dois mundo, um dos nossos governos que mudaram a cara do Brasil e aqui no Estado, que está restabelecendo o lugar de destaque que os gaúchos merecem no cenário nacional e de outro, nosso partido que não consegue acompanhar as demandas da sociedade, nem pressionar o governo positivamente e à esquerda.” afirmou Stela.




          Também prestigiaram a Plenária, o deputado estadual Raul Pont, atual presidente do PT no Estado, o chefe da Casa Civil, Carlos Pestana e o secretário estadual da Agricultura, Luiz Fernando Mainardi.



quinta-feira, 9 de maio de 2013

quarta-feira, 8 de maio de 2013

JED convida Vereador Marcelo Sgarbossa para Encontro Estadual




             Na manhã desta quarta-feira, 8 de maio, integrantes da Juventude Esquerda Democrática, tendência interna do PT, David Almansa, Coordenador de Relações Institucionais da JPT/RS, Luis Fernando Gusmão Assessor do Mandato da Deputada Stela Farias e Vera Figueiredo Coordenadora de Políticas para Jovens Mulheres da JPT/RS reuniram-se com o Vereador Marcelo Sgarbossa (PT), convidando-o para participar do 1º Encontro Estadual da JED, que será realizado nos dias 28 e 29 de junho.
            O grupo aproveitou para discutir temas pertinentes a juventude e que são bandeiras do Mandato do Vereador Sgarbossa, como a Mobilidade Urbana e o combate a cultura do carro. Sgarbossa se mostrou empolgado com as atividades da juventude e colocou o seu mandato a disposição para contribuir com a organização da galera.
            A JED está organizando roteiros onde visitará a juventude em diversos municípios, os encontros regionais serão preparatórios para o encontro estadual.

quarta-feira, 20 de fevereiro de 2013

“É preciso reprimir de forma incansável a violência contra a mulher”


                                                                                                                               




Pedro Rafael,de Brasília (DF)
 A presidenta da República, Dilma Rousseff, afirmou que é preciso “reprimir duramente” a violência contra a mulher no país. A mensagem foi dirigida a mais de três mil mulheres camponesas que participam, em Brasília (DF), do Encontro Nacional do Movimento de Mulheres Camponesas (MMC), que vai até esta quinta-feira (21). O evento reúne trabalhadoras de 23 estados do país.
“Nós sabemos que acabar com a violência exige, permanentemente, que nós estejamos atentas, para reprimir de forma dura e incansável, a violência física, a exclusão, a desigualdade, a restrição e a perda de autonomia das mulheres. Exige da parte do Estado e da sociedade que estejamos atentas, presentes e atuantes para garantir suporte à mulher que sofre de violência”, destacou Dilma.
   
   Dilma participou do encontro na terça (20) - Foto: Luiz Filipe Barcelos
O tema central do encontro do MMC é justamente o combate à violência. “Na sociedade que a gente quer, basta de violência contra a mulher”, repetia o público em coro durante o ato que reuniu a presidenta e vários ministros, ministras e outras autoridades. “Trazemos como missão a libertação das mulheres trabalhadoras rurais, por isso o MMC se define como movimento de mulheres feministas. Muitos desafios, como o machismo e o sistema patriarcal, são muito fortes [no campo]”, observou Rosângela Piovezani Cordeiro, da direção nacional do movimento.
Dilma mencionou ações do governo para coibir a violência, citando os efeitos da Lei Maria da Penha, que entrou em vigor em 2006. “Hoje, a mulher não precisa de nenhum elemento para processar o agressor, mesmo que ela retire a queixa, permanece a acusação. Alguém que presenciou a violência também pode levar ao conhecimento. Isso é importante porque evita o constrangimento”, afirmou.
Segundo a presidenta, existem cerca de mil serviços de atendimento às mulheres em situação de violência espalhados pelo país. A Central de Atendimento à Mulher – o Ligue 180 –, que serve para prestar informações, orientação e acolhimento, além de receber informações sobre violência de gênero, já ultrapassou, segundo Dilma, mais de três milhões de ligações. “O INSS está acionando [a Justiça] para exigir que os agressores sejam responsabilizados financeiramente por seus atos de violência”, acrescentou.
A presidenta citou ainda políticas públicas que trabalham com o protagonismo feminino. É o caso do Bolsa Família e do Minha Casa, Minha Vida, que privilegiam a titularidade dos benefícios em nome das mulheres, principalmente mães de família. “Quando eu tomei posse, disse que um dos meus compromissos era honrar as mulheres do meu país. É a forma que eu tenho de expressar. Eu estou aqui porque milhões de brasileiras, lideranças, mulheres, lutaram nesse país, construíram essa possibilidade. Eu estou aqui porque vocês estão aí e nós sabemos que uma sociedade mais desenvolvida, precisa, se quiser ser uma nação digna de um país com o nosso tamanho, exigir respeito e a igualdade”, relatou Dilma.

   
   Encontro reúne mais de três mil mulheres - Foto: Luiz Filipe Barcelos
Encontro
No encontro, as mulheres participam de plenárias, atividades formativas e discussão de temas como produção de alimentos saudáveis, organização social, políticas sociais, além, claro, do tema da violência de gênero. (Veja aqui a programação abaixo).
“É inegável a relação entre a superação da violência e a perspectiva de autonomia econômica, política, social e cultural das mulheres”, afirmou a ministra da Secretaria de Políticas paras as Mulheres, Eleonora Menicucci. Ela disse que a exclusão social é uma das manifestações mais expressivas da violência e mencionou ações que o Plano Nacional de Políticas para as Mulheres pode incidir para atenuar a desigualdade. “[É preciso estimular] a multiplicação das organizações produtivas no campo”.


Meio ambiente, terra e alimentos
O MMC cobrou do governo ações para alterar o modelo agrícola no Brasil, que pune ainda mais as próprias camponesas. “[Nosso] modelo agrícola é muito pautado na agroexportação, com uso abusivo de agrotóxicos que atingem os bens da mãe natureza. Isso atenta contra a vida, a soberania do país e a sobrevivência do planeta. Temos essa missão de proteger a biodiversidade. Defendemos com o projeto de agricultura camponesa seja baseado nos princípios da agroecologia”, apontou Rosângela Piovezani.
No ato, representantes da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) e o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) firmaram um acordo de atuação conjunta que visa beneficiar cooperativas e associações de produtores rurais de base familiar, com prioridade para grupos de mulheres, produtores agroecológicos e povos e comunidades tradicionais. Serão R$ 5 milhões provenientes do Fundo Social do BNDES, que atenderão cerca de 100 associações e cooperativas, beneficiando cerca de 4 mil famílias. No total, o acordo destinará R$ 23 milhões a políticas de investimentos voltadas à produção, aquisição e comercialização dos produtos da agricultura camponesa e à construção de centrais de comercialização de compras de produtos da agricultura familiar.
“Eu acredito que a ação associativa de uma cooperativa tem poder de organização (...). O Brasil precisa da mulher camponesa na condição de cidadã, não apenas de produtora, mas precisa da sua inteligência, sua força, sua experiência e coragem. Que a igualdade entre homens e mulheres seja a regra e nunca a exceção!”, falou Dilma.
                                                                       

quarta-feira, 30 de janeiro de 2013

Aniversário do PT em São José do Norte




       O PT Nortense tem a satisfação de convidar seus companheir@s para os festejos de 33 anos do nosso Partido.
               Comemoraremos o aniversário do PT em São José do Norte, dia 08 de fevereiro de 2013, sexta, a partir das 20h, na rua Mal. Floriano em Frente ao Largo Tamandaré em um GRANDE ATO POLÍTICO.
               
                Mobilize-se. Participe conosco. Prossegue a luta por mais vida na vida dos nortenses.

                 Forte Abraço!


       Ernani Machado
   PT São José do Norte
(53) 8104-5113 / 9953-9038
Nota Fiscal Gaúcha oferece prêmios e apoio a entidades

A Nota Fiscal Gaúcha (NFG) é um programa do Governo do Estado que tem, entre seus objetivos, incentivar a parceria entre Estado e Sociedade na arrecadação e aplicação dos recursos públicos. O alicerce do programa baseia-se na participação dos cidadãos, cidadãs, entidades sociais e empresas.

Para participar, basta o clientesolicitar a inclusão do seu CPF na nota fiscal sempre que realizar compras em um estabelecimento já cadastrado no programa. Depois, para concorrer aos sorteios de prêmios, deve também fazer o seu cadastro no site www.notafiscalgaucha.rs.gov.br

Ali, é só registrar  o CPF e preencher o formulário, tendo em mãos o número do RG ou da carteira de habilitação. Em seguida, indicar em um lista até três entidades da sua região, das áreas de assistência social, educação e saúde, que serão beneficiadas com recursos do programa NFG.

Um ponto equivale a R$ 1,00 e, a cada cem pontos, a pessoa ganha uma cartela eletrônica para concorrer a vários prêmios mensais em dinheiro, que variam de R$ 100,00 até  R$ 500 mil, além de um prêmio especial de R$ 1 milhão, uma vez ao ano. O primeiro sorteio será realizado dia 27 de março próximo, já com a premiação de R$ 1 milhão.

http://www.sarh.rs.gov.br